Beleza Blog Corpo Mais recentes

Tratamentos para celulite: guia completo sobre as principais opções

13 de abril de 2020

Afinal de contas, o que é a celulite?

Quando falamos sobre saúde, medicina e outros assuntos relacionados ao tema, o sufixo –ite indica, sempre, uma inflamação. Assim, podemos deduzir o que é, de fato, uma celulite. Trata-se de processos inflamatórios nas células epiteliais, ou seja, da nossa pele.

O processo de inflamação é desencadeado pela infiltração de gordura sob a pele, gerando os conhecidos furinhos e o aspecto de “ondas” e protuberâncias na superfície cutânea. Fatores genéticos ou hormonais também causam celulite.

Dependendo do grau, a celulite provoca certa dor e desconforto, além de gerar problemas relacionados à autoestima. Outro sintoma observado é a flacidez na pele, devido à perda de tônus. Por isso, é muito importante procurar uma clínica especializada de confiança para resolver o problema e devolver a beleza que tanto desejamos.

Quais são os principais mitos e verdades sobre a celulite?

Agora que você já sabe o que é a celulite, que tal desvendarmos alguns mitos e verdades sobre esse problema? Vamos lá!

Esse é um problema genético

Verdade! Embora nem sempre esse seja o caso, a celulite pode, sim, ser causada por fatores genéticos.

A idade influencia na formação de celulite

Verdade! Pessoas jovens também podem ter celulite, mas com o passar do tempo, a produção de colágeno pelo organismo diminui e ela se torna um problema mais frequente.

A celulite pode ser causada pelas roupas

Depende. Embora essa não seja uma causa definitiva, o fato é que roupas apertadas podem diminuir a circulação sanguínea e linfática, de maneira a favorecer o surgimento da celulite.

A alimentação favorece o seu aparecimento

Verdade! Comer muitos alimentos gordurosos e com potencial de gerar processos inflamatórios no organismo contribui para o aparecimento da celulite.

Pessoas sedentárias têm mais chances de desenvolvê-la

Verdade! Ainda que até mesmo os atletas tenham celulite, a falta de movimentação, além de prejudicar a circulação, contribui para o acúmulo de gordura e favorece a flacidez cutânea, fatores que causam o problema.

Esse problema é exclusivo de pessoas com obesidade

Mito! Tanto as pessoas magras quanto aquelas que estão acima do peso podem desenvolver a celulite.

Problemas circulatórios podem causar a celulite

Verdade! Um dos principais fatores decorrentes da celulite é justamente a incapacidade do sistema circulatório funcionar como deveria.

Desequilíbrio hormonal pode fazer com que a celulite apareça

Verdade! O desequilíbrio hormonal favorece o problema, principalmente em mulheres.

Quais são os graus de celulite e como é possível identificá-los?

Antes de falarmos sobre os tratamentos para celulite, é fundamental conhecermos quais são os diferentes graus dos processos inflamatórios na pele. A seguir, abordaremos sobre cada um deles e apontaremos suas características.

Grau 1 (Leve)

Esse é o grau inicial da celulite. O fato dela ser uma inflamação completamente interna, ou seja, que não pode ser visualizada ou sequer sentida ao toque é sua principal característica. A única forma de percebê-la é apertando a pele com bastante força. Nesse momento, será possível ver alguns furinhos praticamente imperceptíveis.

Os tratamentos para celulite nesse estágio são realmente eficientes e trazem melhoras significativas em praticamente todos os casos, evitando que o problema avance para o grau 2, como veremos a seguir.

Grau 2 (Visível)

Como o próprio nome já nos indica, esse estágio da celulite ocorre quando o problema passa a ser visível. Aqui, já é possível observar alguns dos furinhos sem que seja necessário comprimir a região, mas eles ainda são bem sutis.

Ainda assim, não há um grande comprometimento do sistema linfático e muito menos uma infiltração considerável de adiposidade na região da pele. Por isso, a maioria dos tratamentos costuma ser eficaz, eliminando o problema quase que por completo.

Grau 3 (Intensa)

Na celulite intensa, as chances de melhora completa da celulite começam a diminuir, mas ainda é possível obter resultados satisfatórios para o problema. Se a pessoa for mais sensível, talvez ela sinta certa dor, caso se enquadre nesse grau.

Aqui, também, as protuberâncias na pele podem começar a ser sentidas quando passamos a mão sobre a região. O sintoma é causado por um inchaço bastante comum, originado por problemas de origem linfática. Outro sinal recorrente é o resfriamento da cútis na região acometida.

Grau 4 (Grave)

Por fim, temos o grau grave, o último de todos. Aqui, a circulação está comprometida, o que pode gerar muita dor e desconforto. Além disso, por afetar o sistema circulatório, a tendência é que o problema agrave cada vez mais.

É nesse estágio que podemos, por exemplo, observar a presença de celulite quando utilizamos uma peça de vestuário mais colada ao corpo. O tratamento torna-se menos eficaz, mas nada impede que os resultados obtidos sejam, ainda assim, bastante satisfatórios.

Quais são os principais tratamentos para celulite?

Após falarmos sobre os mitos e as verdades e os graus de inflamação nas células da nossa pele, chegou o momento de conhecermos os principais tratamentos para celulite, suas características e como eles funcionam. Confira e entenda qual deles pode ser o mais eficaz para você!

Massagens modeladoras

O primeiro tratamento que mencionaremos é a massagem modeladora. Normalmente, o objetivo dessa técnica é o mesmo explicitado em seu nome (ou seja, modelar o corpo). Mas saiba que ela tem uma grande variedade de aplicações e, por isso, pode ser muito eficaz para combater a celulite.

Embora funcione em praticamente todos os graus de celulite (apesar de ser mais eficiente nos casos mais brandos do problema), a massagem modeladora só é indicada quando os furinhos são causados por flacidez na pele. Em outras situações, é melhor recorrer aos demais métodos existentes para tratar ou atenuar o problema.

Drenagem linfática

A drenagem linfática é um dos procedimentos mais conhecidos e eficazes contra a celulite. Ela consiste na realização de uma massagem específica que ativa o sistema linfático do organismo e atua na redução de inflamações e na eliminação de toxinas, por exemplo, o que é de fundamental importância para combater o problema.

Outra vantagem dessa estratégia é a sua capacidade de “desmontar” os infiltrados gordurosos que causam a celulite. Vale lembrar que a drenagem também é utilizada como procedimento pós-operatório de diversas cirurgias, inclusive as de cunho estético.

Mesoterapia

É importante que a mesoterapia seja realizado por um profissional altamente qualificado, já que envolve a utilização e a aplicação de fármacos na pele. Essas substâncias têm como objetivo destruir os nódulos de gordura que geram as protuberâncias sentidas na região cutânea. Feito com mix de substâncias aprovadas pela ANVISA, que são aplicadas com injeções com agulhas fininhas na região afetada.

Ultrassons

Os ultrassons para tratar a celulite podem ser feitos sem maiores problemas, já que é uma técnica nada invasiva e completamente indolor. Ela é realizada com um aparelho bastante parecido com o qual já estamos acostumados a utilizar em nossos exames de rotina.

O objetivo é reduzir a gordura localizada causadora da celulite por meio da emissão de ondas. Esse procedimento ainda não é muito conhecido e está em fase de aperfeiçoamento, mas tudo indica que ele será um grande sucesso no combate a esse problema.

Laser

Os tratamentos feitos com laser podem resolver praticamente qualquer tipo de problema. Altamente revolucionária, essa tecnologia é utilizada para procedimentos que vão desde a depilação definitiva às cirurgias corretivas na Medicina, por exemplo.

Para a celulite, são bem específicos e suas vantagens são a redução do acúmulo de gordura, a diminuição do aspecto irregular da pele e o estímulo da produção de colágeno. Há vários tipos, mas o mais comum (e um dos mais eficientes) é o Cellulaze, no qual uma micro fibra de laser é inserida sob a pele e ativada.

Endermologia

O princípio da endermologia é utilizar a sucção como mecanismo ativador do sistema circulatório, incluindo a parte linfática. Ele é feito com um aparelho um tanto quanto esquisito, que promove esse movimento de forma rápida e intensa.

Se o seu grau de celulite está entre o 3 e o 4, investir na endermologia pode ser exatamente o que você precisa. Isso porque esse tipo de procedimento faz com que os nódulos causados pelo problema sejam consideravelmente reduzidos.

Carboxiterapia

Outro tratamento largamente utilizado para o combate à celulite é a carboxiterapia, uma técnica que consiste na aplicação, de modo subcutâneo, de certas quantidades de dióxido de carbono. A ideia aqui é promover a oxigenação dos tecidos cutâneos e também melhorar o fluxo sanguíneo na região tratada.

Por se tratar de um tratamento gradual, os resultados não são vistos logo nas primeiras sessões. No entanto, a carboxiterapia é muito eficaz e as celulites costumam responder muito bem a essa terapia.

Radiofrequência

A radiofrequência é uma técnica segura e completamente indolor que promove alterações a nível celular em nosso organismo. Seu principal objetivo é fazer com que a produção de colágeno pelo corpo seja estimulada, diminuindo assim a aparência da celulite.

Esse tratamento, assim como a criofrequência, é muito eficaz quando a flacidez é uma das causas do problema. Mas ele também é benéfico para tratar os diversos graus da celulite. Além disso, o método é empregado para uma série de outras situações estéticas, deixando a pele muito mais bonita e uniforme.

Subcision

Seguindo a linha de procedimentos modernos para tratar a celulite com eficácia, podemos citar o subcision. Aqui, o procedimento consiste na inserção de uma micro agulha na pele. Ela age como um separador físico das moléculas de gordura, fazendo com que a aparência das celulites melhore consideravelmente.

Gessos e argilas

Muito indicado para pessoas com grau 1 ou 2 de celulite, o tratamento com gessos e argilas é um dos mais antigos no combate ao problema. Ele consiste na aplicação, em toda a área afetada, de produtos que endurecem com o passar do tempo. O objetivo é aumentar a temperatura e a pressão do local afetado pela celulite, fazendo com que a circulação seja estimulada. O lado bom desse tratamento é que ele pode ser feito até mesmo em nossa casa, ainda que as primeiras sessões devam ser realizadas em um consultório.

PowerShape

O PowerShape, como o próprio nome não nos deixa enganar, é um tratamento realmente poderoso. Ele alia uma série de estratégias já mencionadas, como a radiofrequência e a sucção, para o estabelecimento de um procedimento muito eficaz, o qual atua em várias frentes.

Sendo assim, esse tratamento, além de tratar a celulite, age também na diminuição da flacidez e da gordura localizada. É, portanto, um procedimento muito completo que promete resultados incríveis para os mais variados problemas estéticos.

VelaShape

O VelaShape também é considerado um tratamento revolucionário e lida com os mesmos aspectos do power shape, ou seja, a celulite, a gordura localizada e a flacidez. É, portanto, muito indicado para inflamações no tecido cutâneo de todos os graus.

Seu tratamento consiste na utilização de abordagens que incluem a radiofrequência, a endermologia, a massagem e o uso de infravermelhos. Logo, o vela shape é uma combinação muito completa que atua em várias frentes.

Cada um desses tratamentos traz resultados específicos e é dedicado a necessidades particulares de cada pessoa. Para saber qual deles é o mais recomendado para o seu caso, é preciso passar por uma avaliação com um profissional qualificado em uma clínica bem estruturada.

Como podemos notar, há uma grande variedade de tratamentos para celulite que prometem combater o problema. Em meio a tantas opções, fica fácil perceber que não precisamos, de forma alguma, conviver com esses furinhos em nossa pele. E então, está esperando o que para consultar um profissional da área estética e descobrir qual dessas alternativas é a mais indicada para você?

Ficou com alguma dúvida? Então, não deixe de entrar em contato com o Mais Bonita! Estamos sempre à disposição para conversar sobre os mais variados temas que envolvem tratamentos estéticos e podemos, sem dúvidas, bater um papo com você sobre as técnicas utilizadas para o combate da celulite e outros problemas.

Confira aqui tratamentos diversos para celulite com descontos especiais e parcelamento.

Powered by Rock Convert